quinta-feira, 5 de junho de 2008

Mahatma Gandhi : Pacificador e libertador da Índia



MAHATMA GANDHI....UM PROFETA DA HUMANIDADE.

Mahatma Gandhi desejou conquistar a liberdade para a Índia, a partir do princípio da “não-violência” sobre a Inglaterra. Almejou conhecer todo seu país ( Índia ) por meio de uma viagem por dentro do coração de seu povo. Se revestiu dele ( de seu povo) tanto nas vestes como em seu modo de vida.

Afirma Gandhi: “ Viajei tão longe e no final tive de retornar para minha casa”. Apesar da simplicidade, Gandhi era um homem família nobre e formado em direito na Inglaterra. Na Índia, pertencia ao partido do Congresso que representava os interesses da maioria hindu. Foi durante a luta pela independência que surgiu a divisão político-religiosa entre hindus e muçulmanos que culminou com a divisão da região, originando dois países, a Índia e o Paquistão.

Os ingleses o conheciam como "faquir indiano seminu". Em certa ocasião com representantes do governo inglês, Gandhi disse: "é preferível ser governado por um mal governo do que obter um governo bom representado por líderes de outro país", estava referindo-se a liberdade da Índia que constantemente estava ameaçada pelo domínio da Inglaterra.

Quando criança, Gandhi refletia o Guita e o Alcorão ( livros sagrados). Mohandas Karamchand Gandhi possuía uma (Mahatma, significa "grande alma") alma libertadora e pacificadora que se manifestava em seus discursos de liberdade e paz e seus atos jejuns e sacrifício quando isso não ocorria. Exalatava sinais de um grande homem que se revelaria para a humanidade.

Quando questionado qual era sua religião ele dizia “sou judeu, cristão, muçulmano e hindu”, ou seja, Gandhi tinha como religião o ecumenismo, o diálogo entre os homens e por isso tamanho veneração por Jesus Cristo e os evangelhos que narram sua vida. Por fim, sua pessoa se tornou referência no século 20 , o que se confirma nas palavras de Albert Ainsten " um dia perguntarão se um homem como Gandhi realmente existiu".


3 comentários:

Anônimo disse...

Gostei.

ADNA OLIVEIRA disse...

Oi, Charles! Que bom ter encontrado o seu blog falando dessa figura fantástica digna de ser citada como exemplo para todos nós.

Parabéns!!

Um garande abraço

Felipe Monreal Neves disse...

Gostei de + desta história...